A utilidade das aplicações na nossa vida

Caros Amigos,

Hoje venho falar-vos das várias vantagens que podem retirar da utilização de aplicações no vosso dia-a- dia! Existem vários tipos de aplicações e algumas estão aqui única e exclusivamente para tornar a vossa vida mais simples. Para vos explicar os seus benefícios vou dar-vos alguns exemplos concretos mas não são as únicas que existem do género!

Listas

Existem imensas aplicações para criar listas de tarefas, compras, filmes, etc.. Além de puderem sincronizar vários aparelhos com as vossas contas (telemóveis e computador), é possível convidar amigos para dividirem tarefas! Assim toda gente sabe de quem é a vez de ir levar o lixo.

Contas

Dividam contas com amigos ou parceiros sem perderem tempo, sem se enganarem e sem papéis! Este género de aplicações é óptima para férias e para quem divide casa! Insiram as despesas e quem as pagou, chegam ao final do mês e recebem um relatório com o saldo final.

Mapas

Saibam onde estão, para onde vão, o que se encontra perto de vocês. Uma aplicação com muita utilidade quando vamos viajar!

Classificações

Querem experimentar um restaurante novo sem correrem o risco de escolherem o sítio errado? Estão à procura de um hotel e querem certificar-se de que é bem localizado e tem boas condições? Só precisam de procurar em qualquer uma das várias aplicações que permitem avaliações pelos utilizadores.

Conversação

Estas aplicações são muito úteis para se manter em contacto com os seus amigos! Existem diversas aplicações que funcionam através de contas de outros sites como o Facebook ou que utilizam o número de telefone. Tornam mais fácil enviar ficheiros, imagens ou simplesmente conversar!

Financeiras

Ideais para quem passa a vida a correr para o multibanco. Quase todos os bancos disponibilizam aplicações que permitem fazer transferências, carregar telemóveis, pagar serviços ou simplesmente fazer consultas a partir do seu telemóvel.

Notas

Existem aplicações que vos permitem guardar notas, agregar diversos tipos de media, criar listas de tarefas, entre outras. São óptimas para quem está a estudar e quer partilhar material, para quem gere projectos digitais, são úteis para planear férias! Criem os mais diversos ficheiros de notas.

Além destas de que falei existem aplicações relacionadas com qualquer área, incluindo saúde, investimento, notícias, jogos… O mercado tem imensa oferta e muita oferta gratuita, pesquisem bem e leiam críticas antes de se decidirem a instalar alguma aplicação.

Espero que tenham achado este artigo útil e tenham conhecido alguma aplicação que desconheciam!

R.R.

Dicas para usar as redes sociais com segurança

Caro seguidor,

Hoje vamos falar de algumas considerações que devemos fazer para usar as redes sociais em segurança. Apesar de ser fácil ver vantagens na sua utilização, não devemos ser ingénuos e acreditar que não existem pessoas com más intenções por detrás dos computadores. Seja para vender os nossos dados, utilizar para algum fim não autorizado como publicidade, ou qualquer outra intenção menos digna.

shutterstock_343130216

Não revele a sua Localização 

Se não sabe com quem está a falar, não diga onde se encontra. Desligue as opções que enviam a sua localização juntamente com a suas publicações. Não partilhe a sua morada exacta também, uma coisa é dizer que é de Aveiro outra é dizer que mora mesmo ao lado do restaurante XPTO.

Cuidado com o que é público

Existem algumas coisas que não nos importamos de partilhar com o mundo todo mas há outras que devemos guardar para apenas os nossos amigos mais próximos. Será assim tão importante partilhar fotografias em que se consiga ver todo o material electrónico que fazem valer a pena um assalto?

Não revele informações pessoais

Actualmente é fácil contrair créditos e contratos apenas facultando alguns dados pessoais. Evite dar informações pessoais como números do cartão de cidadão, numero de identificação fiscal, nome completo, etc..

Separe a sua vida profissional e pessoal

O contexto em que se publicam determinadas coisas podem influenciar outras partes da nossa vida. É fácil partilharmos opiniões, fotografias, vídeos sem pensar duas vezes no que estamos a fazer. Verifique com quem as partilha, pois não se esqueça que a sua presença nas redes sociais pode influenciar a sua vida profissional.

Passwords Complexas

Utilize passwords complexas, com números e símbolos preferencialmente. Não utilize informações pessoais que facilmente podem ser descobertas em conversas casuais como o nome de solteira da vossa mãe, o nome do vosso primeiro animal de estimação, o nome da vossa professora primária.

Não aceite pedidos de amizade de estranhos

Se não conhecem a pessoa que vos está a adicionar, então a probabilidade de serem burlões ou esquemas de spam é elevada. Pode não ser nada perigoso mas enviar mensagens de publicidade sem serem pedidas através de perfis pessoais falsos é uma prática abusiva que deve ser denunciada.

Há imensos cuidados que devemos seguir para não ter problemas e podermos utilizar as redes sociais com segurança. Aqui deixamos algumas dicas que valem sempre a pena relembrar. Todos sabemos que a sua utilização pode ser vantajosa, o que precisamos é de encontrar a melhor forma de a utilizar para poder obter os melhores frutos.

R.R.

5 dicas para editar como os fotógrafos no Photoshop

 

Caro seguidor,

 

Gostou da publicação anterior? Então deixe-me dizer-lhe que, se o trabalho dos fotógrafos o fascina, ao ponto de estar sempre de telemóvel ou de máquina fotográfica na mão a captar imagens a tudo o que vê no dia-a-dia, vai gostar ainda mais do que lhe tenho para revelar.

 

Gosta mesmo muito de tirar fotografias? Eu adoro, quer seja com uma máquina profissional, tão comummente usada pelos fotógrafos, quer seja com o telemóvel. Com certeza que também é o seu caso, pois é fácil, é rápido e fica com memórias para a vida. O pior é quando dá conta que algumas das suas fotografias favoritas não ficaram como queria. Aí, meu caro amigo, a única solução é recorrer a um programa de edição de imagem e alterar, o melhor possível, os elementos que não ficaram do seu agrado. E, dentro das inúmeras possibilidades de edição, existem algumas, muito básicas até, que não pode mesmo deixar de lado:

 

Remoção de olhos vermelhos

 Não existe ninguém que não tenha ficado chateado por ter ficado com os olhos vermelhos numa fotografia, quando tudo o resto ficou perfeito. De facto, esta situação é muito comum quando se fotografa com flash e num ambiente escuro. A boa notícia é que é também um dos elementos da imagem mais fáceis de emendar. E, não se preocupe, pois quase todos os programas de edição permitem fazê-lo.

  

Alteração da saturação, brilho, cor e contraste

Tal como qualquer programa lhe faculta a remoção de olhos vermelhos, também qualquer um lhe vai permitir a alteração da saturação, do brilho, da cor e do contraste. E aqui a necessidade de o fazer é maioritariamente estética. Normalmente, os fotógrafos costumam usar estas opções quando os seus clientes lhes pedem para lhes dar uma cor mais morena à pele, para realçar algum elemento da imagem que não se percebe muito bem pelas cores que a compõem, ou mesmo para tornar a foto mais criativa, com tons mais marcantes, definidos e originais. Experimente também! Vai ver que, mal comece a perceber as mil e uma transformações que pode fazer às suas fotografias, não vai querer outra coisa!

 

Melhoria do foco

 A primeira coisa que pensa ao ver uma fotografia desfocada é que, provavelmente, não conseguirá fazer grande coisa por ela. Mas engana-se! A grande vantagem de usar um bom editor de imagem é poder fazer retoques numa fotografia que achava impensáveis. Note-se que esta funcionalidade não está disponível nos editores mais básicos, por isso, caso precise mesmo de a usar, tente adquirir um que já seja minimamente profissional.

  

Branqueamento dos dentes

Branquear os dentes é fundamental para muita gente. Numa fotografia bem captada, pode mesmo ser um dos únicos elementos a arruiná-la. Mas, se, por um lado, há quem não se importe com esta situação e defenda que o natural é que tem valor, por outro, há quem não suporte a ideia de divulgar uma fotografia ao mundo sem mostrar o seu chamado sorriso “pepsodent”. Neste sentido, é correcto afirmar que o recurso a esta funcionalidade é quase sempre primordial num programa de edição de imagem.

  

Remoção de elementos indesejados

Por fim, outra opção que não pode desconsiderar é a remoção de certos elementos indesejados, que tanto podem ser simples de tratar (manchas na pele, borbulhas, vermelhidões…), como podem ser um pouco mais trabalhosos (objectos, pessoas, animais…). No entanto, tudo é possível no mundo da edição (e os fotógrafos que o digam!), logo, se está descontente com alguma fotografia, devido a uma destas situações, então esta opção é para si.

 

Estas são as funcionalidades do Photoshop mais usadas pelos fotógrafos. No entanto, não pense que precisa de ter o Photoshop para conseguir fazer todas estas alterações nas suas fotografias, porque qualquer bom editor de imagem já lho permite. Até os editores dos telemóveis mais tecnologicamente avançados possibilitam uma ou outra alteração mais significativa, para além do corte e da aplicação de filtros.

 

A escolha agora é sua. Pode investir no Photoshop e fica com um dos melhores programas de edição de imagem de sempre, que é somente um dos preferidos pelos fotógrafos e pelos profissionais do design, ou, por outro lado, caso não tenha muito jeito para este tipo de trabalhos, experimenta um editor mais simples e altera apenas o que for fundamental para si.

 

O que prefere?

 

R.R.

 

 

5 funcionalidades no iPhone que desconhecia até então

 Caro seguidor,

Bem-disposto? Espero que sim!

Para quem ainda não conhece este espaço, gostava de o apresentar como sendo um local onde a tecnologia vai ser a palavra de ordem. Basicamente, a ideia é transmitir, através deste blogue, várias ideias, pensamentos, ensinamentos e curiosidades sobre qualquer assunto relacionado com o ramo da tecnologia. Portanto, se é um aficionado por tecnologia como eu, sente-se confortavelmente no seu sofá, beba um café e entretenha-se com as boas leituras que lhe vou proporcionar.

 

A primeira vai gostar, com toda a certeza, especialmente se for um fã da marca Apple, no geral, e do iPhone, em particular. É o caso? Boa! Então agora faça a seguinte pergunta a si próprio: “Será que conheço todas as funcionalidades do meu iPhone?”. Se respondeu que sim, lamento dizer-lhe, mas não passou no teste! A grande verdade é que mesmo os utilizadores mais antigos e fiéis desta marca não têm a noção de todas as potencialidades do seu telemóvel! Não acredita? Então você sabia que:

 

  1. Nos modelos mais recentes, o botão frontal do telemóvel é feito em safira, de maneira a ser o mais resistente possível às pressões e aos riscos? Haverá mais algum telefone que ofereça uma resistência a este nível?

 

  1. Consegue desbloquear o seu telemóvel com o touch ID, apenas porque existe um anel de aço inoxidável à volta do botão frontal que detecta a presença do seu dedo e que “analisa” as suas impressões digitais?

 

  1. A estrutura do modelo mais recente da Apple é feita com uma liga de alumínio de um qualidade tão impressionante, que a mesma é também usada na indústria aeroespacial?

 

  1. O iOS 9 é o melhor, o mais avançado e o mais seguro sistema operativo do mundo, superior a qualquer concorrente? E que, para além de ter uma tecnologia de ponta, o iOS 9 é também o mais intuitivo e o mais inteligente, devido às melhorias constantes que a empresa faz questão de realizar no hardware do telemóvel?

 

  1. Nem sequer se dá conta de que o seu iPhone tira várias fotografias em simultâneo, em qualquer tipo de ambiente, e que reúne, numa só, os melhores elementos de todas elas, com o grande objectivo de você não obter imagens tremidas, desfocadas e de fraca qualidade?

 

Ainda está incrédulo com o que lhe revelei? É normal. Acho que só agora é que estou a perceber a “bomba” tecnológica que tenho nas mãos, o que faz com que esteja cada vez mais convencido de que a aquisição do meu iPhone foi uma das melhores compras da minha vida!

 

Espero por si para uma próxima visita?

 

R.R.